O ESPAÇO REAL NA CONSTRUÇÃO DO ROTEIRO DE PERIFERICU

COMUNIDADE, ESTÉTICA E RESISTÊNCIA DA NEGRITUDE QUEER PERIFÉRICA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.53450/2179-1465.RG.2021v12i2p146-159

Palavras-chave:

roteiro, processo criativo, espaço urbano

Resumo

O artigo tem como objetivo observar de que maneiras o espaço é construído no roteiro do curta metragem Perifericu (2019), examinando as dimensões das personagens e de seus afetos reveladas pelos corpos negros queers em movimento pela metrópole paulistana. Através da crítica de processo (SALLES), o artigo analisa as etapas de pesquisa e escritura do roteiro do filme até a sua construção fílmica, dialogando com os conceitos de espaço (MASSEY) e de dimensão háptica do cinema (BRUNO).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ester Marçal Fér, Universidade Federal da Integração Latino Americana (UNILA)

Professora Assistente no Instituto Latino-Americano de Arte, Cultura e História (ILAACH) da Universidade Federal da Integração Latino-americana (UNILA). Doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Multimeios na Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Integrante dos grupos de pesquisa Núcleo de Arte e Tecnologia Latino-americano (NATLA/UNILA) e Grupo de Estudos sobre Gêneros Cinematográficos e Audiovisuais (GENECINE/UNICAMP).

Referências

AS PESSOAS trans existem, criam e pensam. Entrevista com cineasta Rosa Caldeira. UOL, Portal Aprendiz, Criar na Cidade. Disponível em: https://portal.aprendiz.uol.com.br/2020/08/12/as-pessoas-trans-existem-criam-e-pensam-entrevista-com-cineasta-rosa-caldeira/ Acessado em 13/10/2021

BABADO Periférico. Direção: Nay Mendl e Rosa Caldeira. Produtora: Maloka Filmes. Ep 1: Periféricu. Youtube, 2017 (13 min) Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=xdZ8JC-Yv0w Acessado em 13/10/2021.

BRUNO, Giuliana. Atlas of Emotion: Journeys in Art, Architecture and Film. Verso, 2002.

CARRIÈRE, Jean-Claude; BONITZER, Pascal. Prática do Roteiro Cinematográfico. 3. Ed. São Paulo: JSN Editora, 1996.

MENDL, Nay. Perguntas sobre o processo de Perifericu. Correspondência via email [mensagem pessoal] – Mensagem recebida por esterfer@gmail.com em 13/01/2021 (11:22)

MASSEY, Doreen. Pelo Espaço: uma nova política da espacialidade. Tradução: Hilda Pareto Maciel, Rogério Haesbaert, Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2008.

MURPHY, J. J. Where are you from? Place as a form of scripting in independent cinema, Journal of Screenwriting 5: 1, pp. 27–45, doi: 10.1386/jocs.5.1.27_1, 2014

PERIFERICU. Direção: Nay Mendl, Rosa Caldeira, Stheffany Fernanda, Vita Pereira. Roteiro: Nay Mendl, Rosa Caldeira, Stheffany Fernanda, Vita Pereira e Winnie Carolina. Produção: Nayana Ferreira e Wellington Amorim. Produtora: Maloka Filmes. Elenco: Ingrid Martins, Vita Pereira. Brasil, 2019. 1 DCP (20 min)

SALLES, Cecília A. A complexidade dos processos de criação em equipe. Uma reflexão sobre a produção audiovisual. Relatório de Pós-doutorado. ECA/USP, 2016

_________________, Gesto Inacabado, Processo de Criação Artística. 2ª ed. São Paulo: Intermeios, 2004.
SOBRINHO, Gilberto Alexandre. O Afroperspectivismo de A Trilogia da Bicha Preta, de Juan Rodrigues: construindo as estéticas das resistências. Dossiê Instabilidade e Conflito das/nas imagens. Revista Logos 52, vol. 27 n.01 PPGCOM UERJ, 2020

TRÊS perguntas para o coletivo Maloka Filmes. Instituto Pólis. Disponível em: https://polis.org.br/noticias/tres-perguntas-para-o-coletivo-maloka-filmes/ Acessado em 13/10/2021.

Downloads

Publicado

2021-11-04

Como Citar

FÉR, E. M. O ESPAÇO REAL NA CONSTRUÇÃO DO ROTEIRO DE PERIFERICU: COMUNIDADE, ESTÉTICA E RESISTÊNCIA DA NEGRITUDE QUEER PERIFÉRICA. Revista GEMInIS, [S. l.], v. 12, n. 2, p. 146–159, 2021. DOI: 10.53450/2179-1465.RG.2021v12i2p146-159. Disponível em: https://www.revistageminis.ufscar.br/index.php/geminis/article/view/614. Acesso em: 29 maio. 2022.

Edição

Seção

Dossiê - Desafios, tendências e pesquisas. Roteiros Audiovisuais