ANIMAÇÃO AUDIOVISUAL EM GOIÁS

UM ESTUDO EXPLORATÓRIO SOBRE O MERCADO REGIONAL

Autores

DOI:

https://doi.org/10.53450/2179-1465.RG.2021v12i2p410-433

Palavras-chave:

Mercado de animação Goiana, Políticas Públicas, Leis de incentivo

Resumo

Este trabalho investiga as mudanças no mercado de animação no Estado de Goiás a partir dos anos 2000. Parte-se da hipótese que, neste período, a profusão de leis de incentivo regionais e nacionais, o surgimento de softwares de edição, o barateamento dos equipamentos de produção e o surgimento de cursos profissionalizantes permitiram o aumento do número de produções audiovisuais em animação nesta região. Dentro desse contexto de um mercado em expansão, com agentes atuando internacionalmente, e diante da ausência de pesquisas que observem este mercado regional de animação, realizou-se uma pesquisa qualitativa envolvendo entrevistas em profundidade com profissionais do setor, levantamento de dados de mercado e revisão bibliográfica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Paula Silva Ladeira Costa, Universidade Estadual de Goiás (UEG)

Professora efetiva do curso de Cinema e Audiovisual da Universidade Estadual de Goiás (UEG) e pós-doutoranda no Programa de Pós-graduação em Comunicação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Doutora em Comunicação Social pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Membro dos grupos de Pesquisa CRIA e Geografias da Comunicação.

Paulo Coelho Nunes, UEG

Paulo Coelho Nunes. Nascido em Ceres, Goiás em 1979. Fez Publicidade e Propaganda (2001- 2005). Pós-graduação em cinema (2006-2007), pela faculdade Cambury. Fez Cinema e Audiovisual na Universidade Estadual de Goiás (2016 a 2019). Trabalhou em 31 curtas metragens, sendo diretor em dois deles, um longa-metragem e uma média metragem, editor de vídeo e continuísta. De 2007 a 20021 é um dos realizadores do Dia Internacional da Animação em Goiânia.

Referências

BENFICA, Eduardo; LEÃO, Beto. Goiás no Século do Cinema. Goiânia: Gráfica e Editora Kelps, 1995.

DANCYNGER, Ken. Técnicas de edição para cinema e vídeo: história, teoria e prática, Rio de Janeiro, Elsevier, 2003

FONSECA, Rodrigo. Anima Mundi flerta com talento de Goiânia. Estadão, 20 jul.2018. Disponível em <https://cultura.estadao.com.br/blogs/p-de-pop/anima-mundi-flerta-com-talento-de-goiania/> Acesso em 23 de outubro de 2019.

GATTI JÚNIOR, Willian. GONÇALVES, Marilson Alves. BARBOSA, Ana Paula Franco Paes Leme. Um estudo exploratório sobre a indústria brasileira de animação para a TV. In: REad, ed. 78, nº2, mai/ago. 2014. P. 461- 495. Disponível em: <https://seer.ufrgs.br/read/article/view/38250/30519> . Acesso em

LIMA, Heverton Souza. A Lei da TV Paga: o impacto no mercado audiovisual. [Dissertação de mestrado]. São Paulo: USP, 2015.

LOPES, Denise. Avanços, retrocessos e estagnações: um balanço da lei 12.485. In Revista Eptic, Vol. 17, nº 2, maio/agosto 2015. P. 39-56.

MAPEAMENTO da animação no Brasil. Anima Mundi: S/d. Disponível em: <http://mapeamentoanimacao.com.br/ >. Acesso em 14 ago. 2021.

MAPEAMENTO e impacto econômico do setor audiovisual no Brasil: 2016: São Paulo: APRO/SEBRAE, 2017. Disponível em: <http://www.bibliotecas.sebrae.com.br/chronus/ARQUIVOS_CHRONUS/bds/bds.nsf/b09ddeb1b21ee94db5de582a7f813eb4/$File/7471.pdf> Acesso em 01 ago. 2018.

MORENO Antônio: A experiência brasileira no cinema de animação. Rio de Janeiro: Arte Nova, 1978.

NESTERIUK, Sérgio. Dramaturgia de série de animação. São Paulo: Sérgio Nesteriuk, 2011

PAIXÃO JR, Márcio. MMarte ataca! Uma breve história da escola goiana de desenho animado e da MMarte Produções. In: LEITE, Sávio (org.). Maldita animação brasileira. Belo Horizonte: Favela é isso aí, 2015.

PAULINO, Fernando Oliveira e SOARES, Danilo César. Ecoando vozes: o serviço de acesso condicionado e o impacto na exibição de longas-metragens nacionais. In: INTERCOM Junior – Audiovisual XVIII Congresso de Ciências da Comunicação da Região Centro Oeste, 2016

SILVA, Túlio Henrique Queiroz e. Cinema em Goiás: Quando tudo começou... (1960-1970). Dissertação de mestrado. Programa de Pós-graduação em História: UFG, 2018.



Entrevistas:

ARAÚJO, Guilherme. [Entrevista cedida a] Paulo Coelho Nunes. 16 de out. 2019. 1 arquivo. mp3.

ARAÚJO, Iuri. [Entrevista cedida a] Paulo Coelho Nunes. 16 de out. 2019. 1 arquivo. mp3.

DERETTI, Márcia. [Entrevista cedida a] Paulo Coelho Nunes. 08 jul. 2019. 1 arquivo. mp3.

MACHADO, André. [Entrevista cedida a] Paulo Coelho Nunes. 10 set. 2019. 1 arquivo. mp3.

NERI, Euclides Oliveira Neto. [Entrevista cedida a] Paulo Coelho Nunes. 30 out. 2019. 1 arquivo. mp3.

MUNIZ, Martins. [Entrevista cedida a] Paulo Coelho Nunes. 28 mar. 2019. 1 arquivo. mp3.

OEVEN, Dustan. [Entrevista cedida a] Paulo Coelho Nunes. 28 mar. 2019. 1 arquivo. mp3.

PETRILLO, Gino. [Entrevista cedida a] Paulo Coelho Nunes. 06 nov. 2019. 1 arquivo. mp3.

PODESTÁ, Ricardo. [Entrevista cedida a] Paulo Coelho Nunes. 23 out. 2019. 1 arquivo. mp3.

RASSI, Érico. [Entrevista cedida a] Paulo Coelho Nunes. 05 set. 2019. 1 arquivo. mp3.

Downloads

Publicado

2021-11-04

Como Citar

SILVA LADEIRA COSTA, A. P.; COELHO NUNES, P. ANIMAÇÃO AUDIOVISUAL EM GOIÁS: UM ESTUDO EXPLORATÓRIO SOBRE O MERCADO REGIONAL. Revista GEMInIS, [S. l.], v. 12, n. 2, p. 410–433, 2021. DOI: 10.53450/2179-1465.RG.2021v12i2p410-433. Disponível em: https://www.revistageminis.ufscar.br/index.php/geminis/article/view/573. Acesso em: 29 maio. 2022.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)