SAÚDE, CONSUMO DE MEDICAMENTOS E COMUNICAÇÃO:

UM ESTUDO SOBRE O USO DA INTERNET E DAS REDES SOCIAIS POR PESSOAS DE MAIS DE SESSENTA ANOS

Autores

Palavras-chave:

Comunicação, Redes sociais digitais, Medicamentos

Resumo

Como a geração “Baby Boomer”, pessoas nascidas entre 1946 e 1964, utilizam a internet e redes sociais para se informar sobre saúde e compra de medicamentos no Brasil? Este artigo, de natureza exploratória, desperta a atenção para um conjunto de indagações relacionadas a saúde, e com a vida de uma parcela crescente da população do País. Os resultados apontam que a relação dos “Baby Boomers” com a tecnologia vem mudando, tornando-os ativos nas redes sociais e comunidades voltadas para a saúde, com o aumento do conhecimento e experiências com seus semelhantes graças a troca de informações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eurípedes Fernandes Oliveira Jr, Universidade Metodista

Doutorando no Curso de Comunicação Social da Universidade Metodista de São Paulo.

 

Dimas A. Künsch, Universidade Metodista

Doutor em Ciências da Comunicação e mestre em Integração da América Latina pela Universidade de São Paulo (USP).

Antonio Roberto Chiachiri Filho, Mr, Universidade Metodista

Pós-doutorando na Université Paris 1 Sorbonne - França, Doutor e Mestre em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.  Foi vice-diretor, Coordenador do PPGCOM e professor titular da Faculdade de Comunicação Social Casper Líbero, graduação e pós-graduação. Professor titular do PPGCOM da Universidade Metodista, Professor convidado da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, no curso de Semiótica psicanalítica (COGEAE). Pesquisador convidado do CRICC - Centre de Recherche Images Culture et Cognition.

Referências

BRUHN, John G.; REBACH, Howard M. The Sociology of Caregiving. Dordrecht: New York: Springer, 2014, p. 202.
CASTELS, M. A Galáxia da Internet. Editora Zahar. 2003.
CASSIANI, S.H.B. A segurança do paciente e o paradoxo no uso de medicamentos. Rev. bras. enferm. 2005, vol.58, n.1, pp.95-99. ISSN 0034-7167. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/reben/v58n1/a19.pdf>. Acesso em: 16/08/2020.

COELHO, H. L. L.; PINHEIRO, R. M.; MAGARINOS-TORRES, R. Promoção do Uso Racional de Medicamentos. In: OSÓRIO-DE-CASTRO, C. G. S. et al. Assistência farmacêutica: gestão e prática para profissionais da saúde. Rio de Janeiro: Fiocruz, 2014. p. 283-294.

Coleção IPSOS Flair. Brasil 2018: Caiu a Máscara! A hora da Verdade. Disponível em: <https://www.ipsos.com/sites/default/files/ct/publication/documents/2018-04/flair_brasil_2018-pt.pdf.>
Acesso em 11/09/2020. p – 129.

Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas – CNDL. Pesquisa Terceira Idade 2018. Disponível em: <https://www.spcbrasil.org.br/pesquisas/pesquisa/5290.>
Acesso em: 14/09/2020.

Conselho Federal de Medicina. Ética Médica na Publicidade e nas Redes Sociais. Disponível em: <http://portal.cfm.org.br/index.php?option=com_content&view=article&id=27359:2018-01-05-13-39-56&catid=46.>
Acesso em 26/08/2020.

CONSTANZI, N.R.; AMARAL, A.D.; DIAS, C.R.; ANSILIERO, G.; AFONSO, L.E; SIDONE, O. J. G. Reforma da Previdência Social, p. 4-5, 2018. Disponível em: <http://repositorio.ipea.gov.br/bitstream/11058/8465/1/Reforma%20da%20previd%C3%AAncia%20social.pdf.>
Acesso em: 14/09/2020.

Cruzamento pela Variável Gênero
Disponível em: <https://cdn2.hubspot.net/hubfs/355484/Ebooks%20MKTC/Social%20Media%20Trends%202018.pdf?t=1542483912554&utm_source=hs_automation&utm_medium=email&utm_content=39460531&_hsenc=p2ANqtz-_Dxh1Jyn_ij4kjeVhXTQ_nUlhQXEJowLW9xGjc7A5F_ctl8q95j0xl3YWk-uwDVFl0lYqLcGPoDLKcycymEKAEeJ8xxw&_hsmi=39460531>. Acesso em: 14/09/2020.

EYSENBACH, G. et al. Empirical Studies Assessing the Quality of Health Information for Consumers on the World Wide Web: A Systematic Review. Journal Am Med Assoc. 2002, 287(20): 2691-2700. Disponível em: <http://citeseerx.ist.psu.edu/viewdoc/download?doi=10.1.1.15.2721&rep=rep1&type=pdf.>
Acesso em 24/08/2020.

FANHANI, H. R. et al. Avaliação Domiciliar da Utilização de Medicamentos por Moradores do Jardim Tarumã, Município de Umuarama - Pr. Paraná: Arq. Ciênc. Saúde Unipar, Umuarama, v. 10, n. 3, p. 127- 131, 2006. Disponível em: <http://webcache.googleusercontent.com/search?q=cache:F_P2lfHqULEJ:revistas.unipar.br/index.php/saude/article/download/615/532+&cd=1&hl=pt-BR&ct=clnk&gl=b.>
Acesso em: 20/04/2020.

Ferramentas Virtuais Utilizadas na Busca por Informações de Saúde
Disponível em: <http://api.ning.com/files/aQ*9UpEJWIfxu4YcpKwCrqAlruSAvElSuXvRBd2v4c5rY4MnaNkuPE96hQp*JxAkduKxQzK4pioEMN7DfQKEGVOGrMiaCd3W/SearchingforHealth2008.pdf. >
Acesso em: 09/09/2020.

FIGUEIREDO, M. C.; BONACINA, C. M.; ORTIZ, F. T. Armazenagem de Medicamentos em Domicílios pelos Moradores do Bairro Figueirinha, em Xangri-lá, RS. Rio Grande do Sul: Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS, 2011. 22 p. 2011. Disponível em: <http://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/35597.>
Acesso em: 14/09/2020.

Fundação Oswaldo Cruz. Clipping Internet. Abr. 2015. Disponível em: <https://sinitox.icict.fiocruz.br/sites/sinitox.icict.fiocruz.br/files//Clipping%20Internet%20Mar2015.docx.>Acesso em: 12/09/2020.

FOGG, BJ et al. Stanford-Makovsky Web Credibility Study 2002: Investigating What Makes Web Sites Credible Today – A Research Report by the Stanford Persuasive Technology Lab & Makovsky & Company.
[S.l.]: Stanford University [Internet]. 2002. [cited 2012 Mar 15] Disponível em: <http://credibility.stanford.edu/pdf/Stanford-MakovskyWebCredStudy2002-prelim.pdf.>
Acesso em 24/08/2019

GIL, A.C. Métodos e Técnicas de Pesquisa Social. São Paulo. Editora Atlas, 2008.Disponível em: <https://ayanrafael.files.wordpress.com/2011/08/gil-a-c-mc3a9todos-e-tc3a9cnicas-de-pesquisa-social.pdf.>
Acesso: 08/09/2020

GONÇALVES, Márcio Souza. Comunicação, Cultura e Subjetividade: Perspectivas de Análise. In: Encontro Anual da Compós, 27, 2018, São Paulo, SP. Anais (on-line). Disponível em: http://www.compos.org.br/data/arquivos_2018/trabalhos_arquivo_W7B3MDOPUKPAMSJZHRYP_27_6635_24_02_2018_15_59_04.pdf.>
Acesso em: 08/09/2020.

Hábitos de Uso e Comportamento das Pessoas nas Redes Sociais
Disponivel em: <https://cdn2.hubspot.net/hubfs/355484/Ebooks%20MKTC/Social%20Media%20Trends%202018.pdf?t=1542483912554&utm_source=hs_automation&utm_medium=email&utm_content=39460531&_hsenc=p2ANqtz-_Dxh1Jyn_ij4kjeVhXTQ_nUlhQXEJowLW9xGjc7A5F_ctl8q95j0xl3YWk-uwDVFl0lYqLcGPoDLKcycymEKAEeJ8xxw&_hsmi=39460531.>
Acesso em: 14/09/2020.

Hábitos dos 50+ - Um estudo de como os Maduros Consomem. MindMinders. Disponivel em: <https://rdstation-static.s3.amazonaws.com/cms/files/18283/1521748472or_maduros_mindminers_v2.pdf.>
Acesso em: 12/08/2020.

How the America Searches: Health and Wellness. Disponível em: <http://api.ning.com/files/aQ*9UpEJWIfxu4YcpKwCrqAlruSAvElSuXvRBd2v4c5rY4MnaNkuPE96hQp*JxAkduKxQzK4pioEMN7DfQKEGVOGrMiaCd3W/SearchingforHealth2008.pdf.> Acesso em 08/09/2020

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua – PNAD Contínua. Disponível em: <https://sidra.ibge.gov.br/Tabela/1209#resultado
Acesso em: 12/09/2020.

JENKINS, H. A Cultura da convergência. São Paulo: Editora Aleph, 2009. Disponivel em: <https://www.nucleodepesquisadosex-votos.org/uploads/4/4/8/9/4489229/cultura_da_convergencia_-_henry_jenkins.pdf.> Acesso: 09/11/2019.
KLAASSEN, C.D. Princípios de toxicologia. In: GILMAN, A.G. et al. Goodman e Gilman: as bases farmacológicas da terapêutica. 7. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1985. p.1045-1052.

LOPES, IL. Novos paradigmas para avaliação da qualidade da informação em saúde recuperada na Web. Ciência da Informação. 2004;33(1): 81-90, 2004.

MARTINO, L.M.S. A vida mediada: Sonia Livingstone e “A Mediação de Tudo”. In: Teoria das Mídias Digitais: linguagens, ambientes e redes. 2. ed. Petrópolis: Vozes, 2015, p. 243-246.

MARTINO, L.M.S. Cultura da convergência. In: Teoria das Mídias Digitais: linguagens, ambientes e redes. 2. ed. Petrópolis: Vozes, 2015, p. 34 a 39.

MAYFIELD, A. What is Social Media? New York: iCrossing, 2008. Disponível em: <https://www.icrossing.com/uk/sites/default/files_uk/insight_pdf_files/What%20is%20Social%20Media_iCrossing_ebook.pdf>. Acesso em: 14/09/2020.

MELO, D. O.; RIBEIRO E.; STORPIRTIS S. A importância e a história dos estudos de utilização de medicamentos. Revista Brasileira de Ciências Farmacêuticas, São Paulo, n.4, out./dez., 2006, p. 476-485. Disponível em: <http://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/35597.>
Acesso em: 13/09/2020.

MENDONÇA, A.P.B.; Neto, A.P. Critérios de Avaliação da Qualidade da Informação em Sites de Saúde: Uma Proposta. RECIIS – Rev Eletron de Comun Inf Inov Saúde. 2015 jan-mar; 9(1) | [www.reciis.icict.fiocruz.br] e-ISSN 1981-6278. Disponível em: <https://www.arca.fiocruz.br/bitstream/icict/17022/2/6.pdf>
Acesso em 27/08/2020.

MIRANDA, Conceição Pacheco; VIEIRA, Francisco de oliveira. O Risco da Automedicação: Informação em Prol da Mudança de Hábito. Disponível em: <https://docplayer.com.br/20237594-Risco-da-automedicacao-informacao-em-prol-da-mudanca-de-habito.html >.
Acesso em: 20/04/2020.

MOSCHIS, G. Gerontographics. Journal of Consumer Marketing, v. 10, n. 3, p, 43 – 53. 1993.

MONTEIRO, E. R.; LACERDA, J. T. Promoção do Uso Racional de Medicamentos: Uma Proposta de Modelo Avaliativo da Gestão Municipal. Rio de Janeiro, v. 40, n. 111, p. 101-116, OUT-DEZ 2016. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/sdeb/v40n111/0103-1104-sdeb-40-111-0101.pdf.>
Acesso em: 28/08/2020.

MOSTAFA, S. P.; Terra, M. As fontes eletrônicas de informação: novas formas de comunicação e de produção do conhecimento. SP em Persp. 1998 out./dez., 12(4): 1-12.

NEGRI, J.A; Araújo, B.C; BACELETTE, R. Desafios da Nação: Artigos de Apoio, Volume 2. – Brasília: Ipea, 2018. v. 2, capítulo 20. Disponível em: <http://www.ipea.gov.br/portal/images/stories/PDFs/livros/livros/180327_desafios_da_nacao_apoio_vol2.pdf.>
Acesso em: 20/08/2020.

NOVELLI, Valeria Aparecida Moreira; LEITE, Marilda Corrêa; SITTA, Maria Isabel Uthman. Mediação da Informação: Usuários Gerações Veteranos, Baby Boomers, X, Y, e Z. II Seminário Internacional de Bibliotecas Digitais, Rio de Janeiro, 2010. Disponível em: <https://www.gapcongressos.com.br/eventos/z0070/trabalhos/final_249.pdf>
Acesso em: 12/08/ 2020.

O Estilo de Vida da Terceira Idade Contemporânea no Brasil. Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil); Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), 2016. Disponível em: <http://www.cndl.org.br/wp-content/uploads/2016/10/Apresenta%C3%A7%C3%A3o-Consumo-de-Idosos-_-Estilo-de-Vida-e-Tecnologia-v8.pdf.>
Acesso em: 20/08/2020.

OLIVEIRA, D.A. Terceira Idade e Tecnologia: A Identidade dos Idosos a Partir do Consumo na Web. Universidade Cásper Líbero. São Paulo. 2014. Disponível em: <http://congreso.pucp.edu.pe/alaic2014/wp-content/uploads/2013/09/GT10-Diego-de-Oliveira.pdf>.
Acesso em 08/09/2020.
O “X” da Questão - Pesquisa Grupo Locomotiva (2017). Disponivel em: <https://www.ilocomotiva.com.br/single-post/2017/07/27/O-X-da-quest%C3%A3o.> Acesso em 29/08/2020.

Pesquisa Terceira Idade 2018. SPC Brasil. Disponível em: <https://www.spcbrasil.org.br/pesquisas/pesquisa/5290>
Acesso em 20/08/2020.

Pesquisa Sobre o Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação nos Domicílios Brasileiros - TIC DOMICÍLIOS. Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NicBR). São Paulo. 2018. Disponível em: <https://cetic.br/media/docs/publicacoes/2/tic_dom_2017_livro_eletronico.pdf>
Acesso em 16/08/2020.

Principais Interesses nas Redes Sociais
Disponível em: <https://cdn2.hubspot.net/hubfs/355484/Ebooks%20MKTC/Social%20Media%20Trends%202018.pdf?t=1542483912554&utm_source=hs_automation&utm_medium=email&utm_content=39460531&_hsenc=p2ANqtz-_Dxh1Jyn_ij4kjeVhXTQ_nUlhQXEJowLW9xGjc7A5F_ctl8q95j0xl3YWk-uwDVFl0lYqLcGPoDLKcycymEKAEeJ8xxw&_hsmi=39460531.>
Acesso em: 14/09/2020.

Relógio da população. Disponível em: https://countrymeters.info/pt. Acesso em: 14/09/2020.

RockContent. Pesquisa Social Media Trends 2018. Disponível em: <https://cdn2.hubspot.net/hubfs/355484/Ebooks%20MKTC/Social%20Media%20Trends%202018.pdf?t=1542483912554&utm_source=hs_automation&utm_medium=email&utm_content=39460531&_hsenc=p2ANqtz-_Dxh1Jyn_ij4kjeVhXTQ_nUlhQXEJowLW9xGjc7A5F_ctl8q95j0xl3YWk-uwDVFl0lYqLcGPoDLKcycymEKAEeJ8xxw&_hsmi=39460531>
Acesso em 17/08/2018.

SENADO FEDERAL. Constituição da República Federativa do Brasil: Artigo 196. Brasília, DF, 1988.

SENADO FEDERAL. Portaria nº 3.916, de 30 de outubro de 1998. Diário Oficial [da] União, Brasília, DF, 1998. Disponível em: <http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/1998/prt3916_30_10_1998.html>. Acesso em: 28/08/2020.

SINTOX - Sistema Nacional de Informações Toxico Farmacológicos
<https://sinitox.icict.fiocruz.br/sites/sinitox.icict.fiocruz.br/files//Brasil11_1.pdf>
Acesso em: 12/09/2020.

Sociedade Brasileira de Anestesiologia. Manual de Conduta nas Redes Sociais. Disponível em: <https://www.google.com/search?q=anestesiologia%2Bmanual-de-conduta-nas-midias-sociais-2+ed.pdf&sa=X&biw=1517&bih=670&tbm=isch&source=iu&ictx=1&fir=lzXQ5XqxjxSzdM%253A%252CeFIrgTnpBuVt3M%252C_&vet=1&usg=AI4_-kQwws7M3APYT0WpxIEORgIoQTBmoQ&ved=2ahUKEwir2Lmwo6HkAhU_IrkGHUQADHgQ9QEwCHoECAkQDA#imgrc=X4VCSoLL7FlyXM:&vet=1>
Acesso em: 26/08/2020.

Razões de Utilização das Redes Sociais de Saúde
The Sociology of Caregiving. p.202. Disponível em: < https://scholar.google.com.br/scholar?hl=pt-BR&as_sdt=0%2C5&as_vis=1&q=The+Sociology+of+Caregiving.+p.202+&btnG=>
Acesso em: 14/09/2020.

SOUZA, F.S.; GOMES, A.O. Conflitos de Gerações no Ambiente de Trabalho: O Caso da Procuradoria Geral do Trabalho (PGT). Revista Foco.
V.11, nº2, p.181-206, mar./jun. 2018. Disponível em: <http://revistafocoadm.org/index.php/foco/article/view/531>
Acesso em: 12/09/2020.

Usuários de Redes Sociais na América Latina
Disponível em: <https://canaltech.com.br/redes-sociais/brasil-e-o-pais-que-mais-usa-redes-sociais-na-america-latina-70313/.>
Acessado em: 14/09/2020.

Downloads

Publicado

2020-12-21

Como Citar

OLIVEIRA JR, E. F.; KÜNSCH, D. A.; CHIACHIRI FILHO, A. R. SAÚDE, CONSUMO DE MEDICAMENTOS E COMUNICAÇÃO:: UM ESTUDO SOBRE O USO DA INTERNET E DAS REDES SOCIAIS POR PESSOAS DE MAIS DE SESSENTA ANOS. Revista GEMInIS, [S. l.], v. 11, n. 2, p. 99–122, 2020. Disponível em: https://www.revistageminis.ufscar.br/index.php/geminis/article/view/545. Acesso em: 18 abr. 2024.

Edição

Seção

Dossiê - Redes de Comunicação e Narrativas em Saúde