O BOICOTE VIRTUAL À CAMPANHA THE BEST MAN CAN BE DA GILLETTE

UM ESTUDO SOBRE MASCULINIDADES E CULTURA PARTICIPATIVA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.53450/2179-1465.RG.2021v12i1p297-319

Palavras-chave:

comunicação, cultura digital, masculinidades

Resumo

O presente trabalho busca analisar as origens da repercussão negativa e do boicote à campanha The Best Men Can Be da Gillette no YouTube, em 2019, pelo viés das teorias de gênero relacionadas a conceitos acerca das mídias digitais. Como arcabouço teórico nas questões de gênero traremos Badinter (1993), Connell e Messerschmidt (2013) tratando sobretudo de masculinidades. Já no âmbito do digital, recorreremos a Jenkins (2009; 2014), Santaella (2018) e Kotler, Kartajaya e Setiawan (2017). Para os procedimentos metodológicos, adotaremos a análise de conteúdo, segundo conceituações de Fonseca Júnior (2011), que se une à pesquisa bibliográfica, conforme Stumpf (2011), e à análise documental de acordo com Moreira (2011).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fagner Deport Ferreira do Nascimento, PUCRS

Mestre em Comunicação, especialista em Influência Digital e bacharel em Publicidade e Propaganda pela PUCRS.

Martina Eva Fischer, PUCRS

Professora do curso de Publicidade e Propaganda e da Pós-Graduação lato sensu em Influência Digital (Pucrs). Mestre em Ciências da Comunicação (Unisinos), especialista em Marketing (Ufgrs) e bacharel em Jornalismo e em Publicidade e Propaganda (Unisinos).

Referências

A MÁSCARA em que você vive. Direção: Jennifer Siebel Newsom. Produção: Jessica Anthony, Debbie Brubaker. Roteiro: Jessica Anthony, Jessica Congdon, Jennifer Siebel Newsom. Fotografia de John Behrens. EUA: [s. n.], 2015. Disponível em: https://www.netflix.com/br/title/80076159. Acesso em: 3 maio 2020.
ALWAYS #LikeAGirl. YouTube: Always, 2014. Disponível em: https://youtu.be/XjJQBjWYDTs. Acesso em: 3 maio 2020.
BADINTER, Elizabeth. XY: sobre a identidade masculina. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1993.
BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1988.
BARBOSA, Vanessa. O que a Nike ganhou com a campanha polêmica pelos 30 anos do “Just Do It”. Exame, [s. l.], 9 set. 2018. Disponível em: https://exame.abril.com.br/marketing/o-que-a-nike-ganhou-com-a-campanha-polemica-pelos-30-anos-do-just-do-it/. Acesso em: 3 maio 2020.
BBC (Brasil). #MeToo: A hashtag que expõe a magnitude mundial do assédio sexual. Site BBC Brasil, 17 out. 2017. Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/internacional-41652306. Acesso em: 3 maio 2020.
BURGESS, Jean; GREEN, Joshua. YouTube e a revolução digital: como o maior fenômeno da cultura participativa transformou a mídia e a sociedade. São Paulo: Aleph, 2009.
CONNELL, R. W. Masculinities. California: University of California Press, 2005.
______; MESSERCHMIDT, J. W. Masculinidade hegemônica: repensando o conceito. ‘Estudos Feministas, Florianópolis, v. 21, n. 1 p. 241-282, jan./abr. 2013. Disponível em: <https://periodicos.ufsc.br/index.php/ref/article/view/>.
COVALESKI, R.; LIRA, T. Caminhos Para uma Nova Masculinidade na Publicidade: “The Best Men Can Be”. In: Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação - Intercom, 43, 2020. Disponível em: <http://www.intercom.org.br/sis/eventos/2020/resumos/R15-1176-1.pdf >. Acesso em 18 de março de 2021.
FONSECA JÚNIOR, Wilson. Análise de Conteúdo. IN DUARTE, Jorge. BARROS, Antonio. Métodos e Técnicas de Pesquisa em Comunicação. São Paulo: ed. Atlas, 2011.
FRIEDMAN, M. A positive approach to organized consumer action: The “buycott” as an alternative to the boycott. J Consum Policy 19, 439–451 (1996). Disponível em: <https://doi.org/10.1007/BF00411502>. Acesso em 18 de março de 2021.
GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. São Paulo, Editora Atlas, 2007.
GILLETTE. We Believe: The Best Men Can Be: Gillette (Short Film). YouTube, 14 jan. 2019. Disponível em: https://youtu.be/koPmuEyP3a0. Acesso em: 3 maio 2020.
______. Gillette The best a Man can get ... 1989. YouTube: Bebop2905, [entre 2005-2019]. Disponível em: https://youtu.be/ThDBf14qPsc. Acesso em: 3 maio 2020.
GOOGLE. Dossiê Brandlab: A Nova Masculinidade e os Homens Brasileiros. [S. l.]: Think With Google, Junho 2018. Disponível em: https://www.thinkwithgoogle.com/intl/pt-br/tendencias-de-consumo/dossie-brandlab-nova-masculinidade-e-os-homens-brasileiros/. Acesso em: 3 maio 2020.
GOOGLE Trends: Toxic Masculinity. [S. l.], 2019. Disponível em: https://trends.google.com/trends/explore?date=2018-12-01%202019-03-31&q=toxic%20masculinity. Acesso em: 3 maio 2020.
HBO. Here’s That Gillette Ad, As Apparently Seen By All The Men Who Hate It. YouTube: Vice News, 17 jan. 2019. Disponível em: https://youtu.be/Jx_uJi1ByQA. Acesso em: 3 maio 2020.
ITV. Is the Latest Gillette Advert an Attack on Men?. YouTube: Good Morning Britain, 15 jan. 2019. Disponível em: https://youtu.be/vTyczkAkM2Y. Acesso em: 3 maio 2020.
JENKINS, Henry. Cultura da Convergência. São Paulo: Editora Aleph, 2009.
______; GREEN, Joshua; FORD, Sam. Cultura da conexão: criando valor e significado por meio da mídia propagável. São Paulo: Editora Aleph, 2014.
KELLY, Heather. Gillette‘s new ad isn‘t about shaving: It‘s about men in the age of #metoo. In: CNN (Estados Unidos). CNN Business. [S. l.], 15 jan. 2019. Disponível em: https://edition.cnn.com/2019/01/14/business/gillette-masculinity-ad/index.html. Acesso em: 3 maio 2020.
KOTLER, P.; Kartajaya, H; Setiawan, I. Marketing 4.0: Do tradicional ao digital. Rio de Janeiro: Sextante, 2017.
MEN Silence. Direção: Ian Leite e Luiza de Castro. Produção: PapodeHomem e Instituto PdH. Fotografia de Estudio Nono. YouTube: PapoDeHomem, 2019. Disponível em: https://youtu.be/NRom49UVXCE. Acesso em: 3 maio 2020.
MOREIRA, Sonia Virgínia. Análise documental como método e como técnica. IN DUARTE, Jorge. BARROS, Antonio. Métodos e Técnicas de Pesquisa em Comunicação. São Paulo: ed. Atlas, 2011.
MORGAN, Piers. I’m so sick of this war on masculinity and I’m not alone: with their pathetic man-hating ad, Gillette have just cut their own throat. In: Daily Mail (Reino Unido). News. [S. l.], 15 jan. 2019. Disponível em: <https://www.dailymail.co.uk/news/article-6594295/PIERS-MORGAN-Im-sick-war-masculinity-Gillette-just-cut-throat.html>. Acesso em: 3 maio 2020.
______. Postagem. Twitter, 14 jan. 2019. Disponível em: https://twitter.com/piersmorgan/status/1084891133757587456. Acesso em: 4 maio 2020.
NAIDU, Richa; J., Sondarya. P&G posts strong sales, takes $8 billion Gillette writedown. In: Reuters (Estados Unidos). Business News. Site, 30 jul. 2019. Disponível em: https://www.reuters.com/article/us-proctergamble-results-idUSKCN1UP1AD. Acesso em: 3 maio 2020.
NASH, Charlie. Gillette Commercial Becomes 28th Most Disliked YouTube Video of All Time. Breitbart, [s. l.], 21 jan. 2019. Disponível em: https://www.breitbart.com/tech/2019/01/21/gillette-commercial-becomes-28th-most-disliked-youtube-video-of-all-time/. Acesso em: 3 maio 2020.
OSMAN, Mandy. Estatísticas e Fatos Surpreendentes do YouTube (2º Site Mais Visitado). In: Kinsta (Brasil). Blog Kinsta. [S. l.], 20 jun. 2019. Disponível em: https://kinsta.com/pt/blog/estatisticas-do-youtube/. Acesso em: 3 maio 2020.
PANTENE (EUA). Strong is Beautiful: Dad-Do. YouTube: Cause Marketing, 2017. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=-AFrtsq3Fz0. Acesso em: 3 maio 2020.
POSTINGUEL, Danilo. Masculinidades plurais, ativismos de marcas e ativismos de consumidores-fãs-fiscais. 2019. Tese (Doutorado em Comunicação e Práticas de Consumo) – Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Práticas de Consumo, Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), São Paulo. Disponível em: https://tede2.espm.br/handle/tede/379. Acesso em: 18 março 2021.
PRECISAMOS falar com os homens?. Direção: Ian Leite e Luiza de Castro. Produção: Papo de Homem. Gravação de Monstro Filmes e Questto | Nó Research. YouTube: ONU Mulheres Brasil, 2016. Disponível em: https://youtu.be/jyKxmACaS5Q. Acesso em: 3 maio 2020.
PRESSE, France. ‘Masculinidade tóxica’ reduz expectativa de vida de homens na América, diz Opas. G1: Ciência e Saúde, [s. l.], 19 nov. 2019. Disponível em: https://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2019/11/19/masculinidade-toxica-reduz-expectativa-de-vida-de-homens-na-america-diz-opas.ghtml. Acesso em: 3 maio 2020.
PROCTER & GAMBLE. The Best Men Can Be: About. Site, 2019. Disponível em: https://gillette.com/en-us/about/the-best-men-can-be. Acesso em: 3 maio 2020.
SANTAELLA. A pós-verdade é verdadeira ou falsa?, Barueri: Estação das Letras e Cores Editora, 2018 (ebook).
SINAY, Sergio. La masculinidad tóxica, un paradigm que enferma a la Sociedad y amenaza a las personas. Argentina: Ediciones B, 2006.
STUMPF, Ida Regina C. Pesquisa bibliográfica. IN DUARTE, Jorge. BARROS, Antonio. Métodos e Técnicas de Pesquisa em Comunicação. São Paulo: ed. Atlas, 2011.
THE NATIONAL LOTTERY (AUS). This Girl Can: What about you?. YouTube, 23 jan. 2015. Disponível em: https://youtu.be/jsP0W7-tEOc. Acesso em: 3 maio 2020.
TWITTER. Goodbye Gillette. Hello Schick #GilletteAd. Twitter: @warroom, 15 jan. 2019. Disponível em: https://twitter.com/warroom/status/1085247500066480129. Acesso em: 4 maio 2020.
TWITTER. It's been real. @Gillette #BoycottGillette. Twitter: @DrewVanRoekel1, 15 jan. 2019. Disponível em: https://twitter.com/DrewVanRoekel1/status/1085337803699810304. Acesso em: 4 maio 2020.
TWITTER. This was the #Gillette razor I was sent on my 18th birthday: t's been with me through basic training, four deployments, and seven moves. I've used it almost everyday for the past 15 years. But since @Gillette thinks I'm a bad person, I'm throwing it away. #BoycottGillette. Twitter: @fakespike1, 16 jan. 2019. Disponível em: https://twitter.com/fakespike1/status/1085559157464358912. Acesso em: 4 maio 2020.
WE ARE SOCIAL (EUA); HOOTSUITE (EUA). Digital in 2019. In: Global Digital Report. [S. l.], 2019. Disponível em: https://wearesocial.com/global-digital-report-2019. Acesso em: 3 maio 2020.
WIKIPEDIA. List of most-disliked YouTube videos: Top videos. [S. l.], 2016. Disponível em: https://en.wikipedia.org/wiki/List_of_most-disliked_YouTube_videos. Acesso em: 3 maio 2020.
WINNERMAN, Lea. Helping men to help themselves. Monitor on Psychology, Estados Unidos, v. 36, ed. 7, p. 57, Junho 2005. Disponível em: https://www.apa.org/monitor/jun05/helping. Acesso em: 3 maio 2020.
YOUTUBE. Most Disliked YouTube Videos. YouTube: MyTop100Videos, 2013. Disponível em: https://www.youtube.com/playlist?list=PLirAqAtl_h2o1ism1dr5SbvB8Mf7Ve6Aa. Acesso em: 3 maio 2020.

Downloads

Publicado

2021-06-27

Como Citar

DEPORT FERREIRA DO NASCIMENTO, F.; FISCHER, M. E. O BOICOTE VIRTUAL À CAMPANHA THE BEST MAN CAN BE DA GILLETTE: UM ESTUDO SOBRE MASCULINIDADES E CULTURA PARTICIPATIVA. Revista GEMInIS, [S. l.], v. 12, n. 1, p. 297–319, 2021. DOI: 10.53450/2179-1465.RG.2021v12i1p297-319. Disponível em: https://www.revistageminis.ufscar.br/index.php/geminis/article/view/529. Acesso em: 25 jul. 2024.