[1]
Carneiro dos Santos, M. 2012. Pessoas Conectadas Podem Mudar o Mundo? Uma abordagem sistêmica baseada na Teoria das Redes para a modelagem de ações coletivas. Revista GEMInIS. 3, 1 (ago. 2012), 51-70.