Jogos Vorazes e a questão da distopia na série de filmes de Gary Ross E Francis Lawrence

  • Marcus Augusto da Silva Cordeiro UFAM
  • Beatriz Silva Goes UFAM
  • Wilson de Souza Nogueira UFAM
Palavras-chave: Distopia, Adaptação Cinematográfica, Jogos Vorazes

Resumo

Neste trabalho buscamos analisar a série cinematográfica de filmes Jogos Vorazes, adaptada dos livros homônimos de Suzanne Collins, com o objetivo de compreender como essa saga se tornou um sucesso de bilheteria. Nesse sentido, é proposta uma análise fílmica da quadrilogia com discussão sobre as referências literárias e audiovisuais dos filmes, com destaque para Admirável Mundo Novo e 1984 e suas adaptações. Por fim, conclui-se que a saga Jogos Vorazes confronta temáticas como opressão do Estado, declínio econômico e manipulação das mídias de massa numa extensão de amplitude raramente vista no atual sistema de produção comercial de Hollywood. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcus Augusto da Silva Cordeiro, UFAM
Jornalista, mestrando em Ciências da Comunicação pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM), bolsista do Programa de Apoio à Pós-Graduação stricto sensu (POSGRAD) da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (FAPEAM).
Beatriz Silva Goes, UFAM
Jornalista, mestranda em Ciências da Comunicação pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM), bolsista do Programa de Apoio à Pós-Graduação stricto sensu (POSGRAD) da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (FAPEAM), Manaus, AM – Brasil,
Wilson de Souza Nogueira, UFAM
Sociólogo, doutor em Sociedade e Cultura na Amazônia

Referências

ALL TIME BOX OFFICE. Disponível em: www.boxofficemojo.com. Acesso em: 25 jan. 2016.

CAMPBELL, Joseph. The Hero with a Thousand Faces. Princeton University Press, 2008.

COLLINS, Suzanne. Jogos Vorazes. Rio de Janeiro: Rocco, 2010.

FAVERSANI, Fábio. Panem et Circenses. breve análise de uma perspectiva de incompreensão da pobreza no mundo romano. Varia História, n. 22, p.81-87, jan. 2000. Disponível em: http://www.fafich.ufmg.br/varia/revista/index.php?prog=mostraartigo.php&idcodigo=310. Acesso em: 16 ago. 2014.

GOLDING, William. O Senhor das Moscas. São Paulo: Folha de São Paulo, 2003.

HUXLEY, Aldous. Admirável Mundo Novo. São Paulo: Abril, 1981.

KICKER STUDIO. Aging and Sustainability indulge the Fantasy. Disponível em: http://www.kickerstudio.com/2009/02/aging-and-sustainability-indulge-the-fantasy/. Acesso em: 26 jul. 2015.

MCCARTHY, Helen. 500 Manga – Heroes and villains. Singapore: Barron’s, 2006.

PENAFRIA, Manuela. Análise de filmes – conceitos e metodologia(s). In: VI Congresso SOPCOM, Lisboa, 2009. Anais eletrônicos... Lisboa, SOPCOM, 2009. Disponível em: http://www.bocc.ubi.pt/pag/bocc-penafria-analise.pdf. Acesso em: 18 jan. 2016.

ORWELL, George. 1984. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2007.

ORWELL, George. George Orwell’s final statement on Nineteen Eighty-Four. Disponível em: http://georgeorwellnovels.com/books/george-orwell-statement-on-nineteen-eighty-four/. Acesso em: 9 fev. 2016.

RIBEIRO, João. Play Time e as distopias literárias do século XX. E-topia: Revista eletrônica de estudos sobre a utopi, n. 8, 2008. Acesso em: 20 jan. 2016. Disponível em: http://ler.letras.up.pt/uploads/ficheiros/5063.pdf.

TAKAMI, Koushun. Battle Royale (BatoruRowaiaru). Tokyo: Ohta Publishing, 1999.

Filmografia

Direção: Michael Radford. United Kingdom: Virgin Films, Umbrella-Rosenblum Films, 1984. 113 min. Son. Color.

A ESPERANÇA: PARTE 1. Direção: Francis Lawrence. Estados Unidos: Color Force, 2014. 122 min. Son. Color.

A ESPERANÇA: PARTE 2. Direção: Francis Lawrence. Estados Unidos: Color Force, 2015. 113 min. Son. Color.

BATTLE ROYALE. Direção: Kinji Fukasaku. Japão: AM Associates, Kobi, Nippon Shuppan Hanbai, MF Pictures, WOWOW, Gaga Communications, 2000. 113 min. Son. Color.

BRAVE NEW WORLD. Direção: Leslie Libman, Larry Williams. Estados Unidos: Dan Wigutow Productions, Michael Joyce Productions, USA Networks Studios, 1998. 100 min. Son. Color.

EM CHAMAS. Direção: Francis Lawrence. Estados Unidos: Color Force, 2013. 146 min. Son. Color.

JOGOS VORAZES. Direção: Gary Ross. Estados Unidos: Color Force, 2012. 145 min. Son. Color.

STAR WARS. Direção: George Lucas. Estados Unidos: Lucasfilm Ltda., 20thCentury Fox, 1977. 121 min. Son. Color.

V DE VINGANÇA. Direção: James McTeigue. Reino Unido, Estados Unidos, Alemanha: VertigoComics, Virtual Studios, Silver Pictures, 2005. 132 min. Son. Color.

Publicado
2016-07-06
Como Citar
DA SILVA CORDEIRO, M. A.; SILVA GOES, B.; NOGUEIRA, W. DE S. Jogos Vorazes e a questão da distopia na série de filmes de Gary Ross E Francis Lawrence. Revista GEMInIS, v. 7, n. 1, p. 257-272, 6 jul. 2016.