A economia do audiovisual no contexto contemporâneo das Cidades Criativas

  • Paulo Celso da Silva UNISO
  • Míriam Cristina Carlos Silva UNISO
  • Tarcyanie Cajueiro dos Santos UNISO
Palavras-chave: Cidades Criativas, Economia do audiovisual, Neoliberalismo

Resumo

Este trabalho aborda a economia do audiovisual em cidades com status de criativas. Mais do que um adjetivo, é no bojo das atividades ligadas à comunicação, o audiovisual entre elas, cultura, moda, arquitetura, artes manuais ou artesanato local, que tais cidades renovaram a forma de acumulação, reorganizando espaços públicos e privados. As cidades de  Barcelona, Berlim, New York, Milão e São Paulo, são representativas para atingir o objetivo de analisar as cidades relacionado ao desenvolvimento do setor audiovisual. Ainda que tal hipótese possa parecer indicar, através de dados oficiais que auxiliam em uma compreensão mais realista de cada uma delas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Míriam Cristina Carlos Silva, UNISO
Professora do Programa de Mestrado em Comunicação e Cultura da Universidade de Sorocaba.
Tarcyanie Cajueiro dos Santos, UNISO
Professora do Programa de Mestrado em Comunicação e Cultura da Universidade de Sorocaba.
Publicado
2012-12-18
Como Citar
CELSO DA SILVA, P.; CRISTINA CARLOS SILVA, M.; CAJUEIRO DOS SANTOS, T. A economia do audiovisual no contexto contemporâneo das Cidades Criativas. Revista GEMInIS, v. 3, n. 2, p. 165-180, 18 dez. 2012.